Casa da cultura inaugura exposição ‘Memória Fumageira’ nesta segunda (2).

A exposição, que tem a curadoria Davy Sales, é mais uma contra partida da Aldir Blanc.

Por Ranjelio 03/08/2021 - 08:44 hs
Foto: Assessoria

Você conhece a história do fumo em Arapiraca ou tem curiosidade?

Até o final deste mês, a Casa da Cultura recebe a Exposição Memória Fumageira do artista plástico Jean Marcelo.

Para materializar essa memória, o pintor se utiliza de técnicas mistas sobre o papel. Do acrílico ao uso do carvão, ele leva o apreciador aos locais e eventos dessa cultura, ofereço um reencontro aos tempos do “ouro negro” na capital do Agreste.

Jean Marcelo propõe um olhar cirúrgico sobre a plantação do tabaco e seus personagens, alcançando a transformação do fumo bruto na busca pela alma da cultura Fumageira.

“Eu e Davy Sales montamos essa exposição especial para contar a história da nossa cultura Fumageira através da arte. Meu avô tinha salões de fumo e eu também tenho essas memórias em torno dessa cultura e as obras giram em torno desse universo. Também colocamos alguns instrumentos da época quem também remete às lembranças. Sou suspeito pra falar, mas está muito bonita”, declarou o artista Jean Marcelo.

A exposição, que tem a curadoria Davy Sales, é mais uma contra partida da Aldir Blanc, que traz a programação das exposições e encantam o hall da Casa da Cultura desde janeiro.
Para o secretário de Cultura, Lazer e Juventude, Wellington Magalhães, a iniciativa é uma maneira de promover a integração e valorização dos artistas arapiraquenses, além de incentivar a cultura local.

“Todas as exposições realizadas na Casa da Cultura têm resgatado valores, reflexões e dando oportunidade aos artistas de maneira geral. Além de expor lá, a secretaria fez uma parceria com o Arapiraca Garden Shopping para que a exposição tenha espaço por lá e alcance mais pessoas”, destacou o secretário.